Connect with us

Hi, what are you looking for?

Weastar

DESPORTO

Pedro Araújo e Mischa Zverev entram a ganhar no Faro Open

Gastão Elias desistiu por lesão ao final do primeiro «set» frente ao esloveno Tomas Lipovsek Puches

O jovem Pedro Araújo e o veterano Mischa Zverev destacaram-se entre os jogadores que carimbaram hoje o acesso à 2.ª ronda do quadro principal de singulares do Faro Open.

Este ano, o histórico torneio algarvio organizado pelo Centro de Ténis e Padel de Faro com o apoio da Câmara Municipal de Faro e da Federação Portuguesa de Ténis celebra a sua 30.ª edição e foi promovido à categoria de 25.000 dólares.

Uma semana depois de ter brilhado em Vale do Lobo, onde atingiu pela primeira vez os quartos de final de singulares de um torneio do circuito internacional, Pedro Araújo (1326.º do «ranking» ATP) somou mais uma vitória, ao bater, por claros 6-0 e 6-1, o compatriota Luís Faria (808.º), num encontro em que o lisboeta, de 18 anos, mostrou melhor forma física e mais ritmo competitivo do que o vimaranense, de 21 anos.

Apurado para a segunda ronda, o jogador da Escola de Ténis Jaime Caldeira já sabe que vai ter como próximo adversário o francês Dan Added (396.º ATP), que confirmou o estatuto de sétimo cabeça de série ao vencer o alemão Lucas Gerch, por 6-3 e 6-3.

A vitória de Pedro Araújo foi a única de tenistas portugueses no quadro de singulares: Fábio Coelho perdeu por 6-2 e 6-3 para o alemão Sebastian Fanselow (429.º); Tiago Cação (553.º ATP) foi batido, por 6-4, 5-7 e 6-2, pelo turco Kuzey Cekirge (1322.º); e Gastão Elias (381.º) desistiu após perder o primeiro set, por 6-1, frente ao esloveno Tomas Lipovsek Puches (618.º).

O dia de quarta-feira no Faro Open concluiu-se com a vitória de Mischa Zverev. O ex-«top-25» ATP e atual 278.º agarrou-se ao estatuto de primeiro cabeça de série e venceu o «qualifier» francês Vincent Stouff (1088.º), por 6-2, 2-6 e 6-1.

Zverev em trânsito por Portugal antes de acompanhar irmão no México

As razões que trouxeram o irmão do n.º 7 mundial, Alexander Zverev, a Faro são as mesmas que há seis meses o levaram a Castelo Branco e ao Porto, cidades em que também jogou torneios do circuito ITF.

“Nesta altura não há muitos torneios em piso rápido na Europa e adoro Portugal, por isso encaixou tudo de forma perfeita. Na próxima semana vou para Acapulco [México] com o meu irmão e, como não tenho jogado muito, gostava de conseguir fazer alguns encontros aqui”, explicou.

Em pares, o português Gonçalo Falcão e o turco Tuna Altuna confirmaram o estatuto de segundos pré-designados ao vencerem os franceses Alexis Musialek e Hugo Pontico, por 7-6 e 6-4.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

May Also Like

Copyright © 2020-2030 Weastar.com. powered by WeaStar.